segunda-feira, 12 de fevereiro de 2007

Despojar-me de ti

Estas mãos. Não são as tuas!
Este cheiro. Não é o teu!
E estes lábios. Não são os teus!
E este olhar. Não te reconheço!
E este jeito. Estrangeiro!

Voltar. Não me deixo!
Ficar. Onde?

E despojar-me de ti. Não sei...

1 comentário:

Marco disse...

gostei, muito...pequeno mas profundo

faz-me lembra a musica "hands" da Jewel,

"As minhas mãos são pequenas, eu sei, não são tuas, são minhas"